patrocinado por

ARENA DAS DUNAS

20º dia de viagem
Cidade: Natal/RN | Categoria: Diário do Piloto
Postado em: 26/8/2013
Diário de Motocicleta

Hoje foi dia de visitar a Arena das Dunas, considerado por muitos um elefante branco que após o término da Copa, não terá mais utilidade, o que não é bem verdade.

Voltando um pouco no tempo, o Estádio Humberto de Alencar Castelo Branco é  conhecido simplesmente como Castelão, e foi inaugurado em Junho de 1972 e em 1989 teve seu nome alterado para Estádio Dr. João Cláudio de Vasconcelos Machado, em homenagem ao ex-presidente da Federação Norte-rio-grandense de Futebol e virou o Machadão.

Além de receber partidas de futebol do Campeonato Potiguar, da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, o Machadão recebia em seus arredores o Carnatal, o Kartódromo e, periodicamente, shows, circos e parques de diversão.

O estádio Machadão (juntamente com o ginásio Machadinho) começou a ser demolido em 21 de outubro de 2011 e em apenas um mês, 37 anos de história estavam no chão.

Em seu lugar começou a ser construído o complexo multiuso “Arena das Dunas” devido a escolha da cidade pela FIFA para sediar 4 jogos da Copa do Mundo de 2014.

O estádio, que foi projetado pela empresa norte-americana Populous, está sendo construído através de uma Parceria Público-Privada entre a construtora OAS Engenharia e o Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

A capacidade será de 32.000 espectadores, mas contará com arquibancadas flexíveis durante o mundial que permitirá a expansão para 42 mil assentos. O Arena das Dunas foi considerado pela Revista Veja, o estádio mais "verde" e "sustentável" entre os projetados para a Copa, pois realizará o reaproveitamento de resíduos da obra e aproveitamento de elementos naturais como chuva, vento e energia solar.

A informação que tínhamos é que cerca de 79% das obras já estavam concluídas, mas não foi o que encontramos, e com data prevista para Dezembro de 2013, é óbvio e visível que as obras estão atrasadas.

Para se ter ideia, o entorno possui pelo menos 4 prédios da Administração da cidade que serão demolidos para construção do estacionamento. Hoje ainda estão em pé e alguns ainda em funcionamento pela prefeitura.

Orçado em cerca de R$ 400 milhões, o Governo confirma gastos de mais de R$ 2 bilhões, número confirmado pelo secretário estadual de Infraestrutura (SIN), Dâmocles Trinta, um preço muito alto para apenas 4 jogos na Copa de 2014.

A Arena das Dunas fica na Avenida Lima e Silva, nº 2463 - Lagoa Nova, entre a BR-101 e a Avenida Prudente de Morais, duas importantes artérias viárias da cidade.

fotos relacionadas
Parceiros neste projeto