patrocinado por

PRAIA DOS COQUEIROS

Cidade: Trancoso/BA | Categoria: Passeios
Postado em: 28/5/2010
Diário de Motocicleta

Os amigos vão rir, mas depois de 12 dias visitando Igrejas, museus e monumentos, registrando tudo em foto e vídeo... tiramos o dia de hoje para descansar. 

Hoje foi feriando no Êxodo de Moto. (rs) 

A idéia era ir até Arraial d´Ajuda, mas resolvemos pegar uma praia aqui em Trancoso mesmo... o que no final foi a melhor opção. 

Descemos por detrás do "O Quadrado" até a Praia dos Coqueiros... depois de mais ou menos 900mt de caminhada, chegamos na praia que oferece umas cinco barracas que o pessoal chama de cabana... e na verdade são cabanas mesmo, com infra estrutura coberta, cadeiras e espreguiçadeiras, guarda-sol, banheiros limpos, petiscos, drinks e cervejas (YES!). 

Quando pisamos na areia andamos até a Praia dos Nativos, coisa de 700mt... particularmente não gostamos... são cerca de umas 6 ou 7 cabanas onde os clientes da CVC freqüentam... então... (!)

Andamos um pouco mais até a Praia de Estrela D´água, mas neste ponto existem apenas duas cabanas pertencentes a hotéis... ai eu pensei... pra que pagar mais não é mesmo?

Voltamos para a Praia dos Coqueiros onde o guia Kiko veio ao nosso socorro, pois uma chuva nos pegou enquanto nos escondíamos embaixo de uma árvore. 


Ele nos resgatou com três guarda-sóis e nos levou até a cabana que já tinha nos sugerido assim que chegamos na areia – Barraca do Zé Barbudo e Evaine.
 
Sentamos de frente pro mar na parte coberta quando a cerveja e o suco de abacaxi chegaram.
Quando o Sol apareceu fomos para areia, numa mesa de madeirão que foi a primeira a sentir as ondas da maré subindo horas depois.


Tarde perfeita jogando conversa fora com o Kiko, motoboy da minha idade, fugido do stress de São Paulo... figuraça com os olhos cheios de histórias vividas! Show! 

Recomendo o Guia Turístico Kiko para passeios na região... conhece muitas coisas nestes anos em que mora em Trancoso, além de ser uma típica pessoa do bem.

Conhecemos outra figura show de bola... Willian, artista plástico, escritor, ator de teatro... com arame, faz um “brinquedo de metal”, flexível e cheio de significados que depois eu disponibilizo em vídeo... ficamos com um desses. 

Mineiro, ele já viajou pelo Norte do Brasil e o sonho de lugar a conhecer, ele encontrou em Trancoso. 

No Barbudo já tínhamos comido uma porção de peixe e uma de frango, tomados as cervejas "que o estar a pé" me permitia (rs), quando as fritas chegavam. 

Conhecemos uma família com o filho Lucas de Formigas/MG, enquanto uma Senhora argentina, se oferecia para tirar uma foto nossa (eu e Elda) com nossa máquina... e mandava um “poquito pra cá um poquito para lá” e eu doido para dizer “pero que si, pero que no” (rs).

Nos tirou uma foto numa maré subindo... muito legal!
O Sol apareceu forte, depois chuviscou e abriu o tempo... e o fim da tarde veio na caçamba de uma Saveiro... de carona de volta ao Centro, a uma quadra da nossa Pousada.

Depois de um bom banho tomado fui atualizar o site com fotos e relatos próximo à recepção, que por conta de um problema passageiro, das quatro redes de wi-fi apenas duas funcionavam, e ali o sinal era melhor. 

Lá conheci um pessoal de Caravelas/BA que veio fazer palestras sobre as Baleias Jubarte que chegam por aqui mês de Julho e ficam até Setembro!

Eu publicava relatos e fotos e a Elda e a Joana, a gerente da Pousada conversavam bastante enquanto sentíamos no ar, cheiro de bolo quentinho.

No fim da noite, fui comprar dois sanduíches numa lanchonete – mercadinho e depois seguimos para o Quadrado para umas fotos noturnas. 

Eu juro que posso acostumar com essa vida viu! (rs)

 

fotos relacionadas
Parceiros neste projeto