patrocinado por

SÉRIE DE CURSOS DE PILOTAGEM - PARTE 3 - OFF ROAD COM TOMAZ BUENO

Revisado em: 27/08/2017 | Categoria: Mundo 2 Rodas
Diário de Motocicleta

NOTA DE REVISÃO: Em meados de 2016 uma motorista completamente distraída virou a esquina e acertou em cheio o amigo Tomaz Bueno, e o deixou com sequelas na mão e braço esquerdo. Um ano após cirurgias e fisioterapia, Tomaz segue sobre duas rodas, mas desta vez, no pedal das bikes.


Junho de 2015 - Dando continuidade a Série de Cursos de Pilotagem, chegou a hora de encarar a terra... isso mesmo, fomos treinar um pouco de Off Road.

Confesso que não é a nossa praia fazer trilhas e afins, mas não é sempre que encontramos estradas asfaltadas em viagens pela América Latina, muito menos em países como a Bolívia e região do Atacama, só para exemplificar. Então, como conhecimento extra não faz mal a ninguém, e estamos na estrada para o que der e vier, técnicas de off road são muito bem vindas.

Após indicação do nosso amigo Amaral Instrutor – fizemos o primeiro curso de pilotagem defensiva com ele – optamos por fazer o curso do Tomaz Bueno, instrutor da Personal Off Roader.

Após reunir o grupo em uma loja de moto próximo a Granja Viana (Carapicuíba/SP), tomamos café da manhã, nos apresentamos e seguimos em bonde para a pista de treino em Cotia, há poucos quilômetros dali.

A primeira coisa que o Tomaz nos orientou foi quanto a calibragem dos pneus e o quão importante e facilitador é andar na terra, pedra e areia com os pneus “murchos”.
É preciso, entretanto, estar atento ao terreno, por que nesta configuração, as rodas estão mais suscetíveis a amassar por conta de pedras e buracos.

Confesso que esvaziei meu pneu com muito receio, não por duvidar da palavra do Tomaz, mas como viajante, baixar a pressão dos pneus é o mesmo que tirar gasolina do tanque pra ficar mais leve... já rodei muita estrada sem postos de combustível e isso me marcou muito.

Na sequência da demonstração de como levantar a moto em caso de queda, começamos com o treinamento que exigiria muito do corpo e que no dia seguinte iria doer demais... e doeu!

O treinamento seguiu uma ordem de pilotar em pé com a correta posição do corpo e depois sem a mão esquerda.
Para os pilotos que estavam com garupa, foi a oportunidade de pilotarem juntos de pé na moto. A Elda subiu a bordo e nossa sintonia final fez deste exercício uma tarefa fácil.

Depois passamos para aceleração e frenagem brusca, com e sem ABS... aliás, quanto menos ABS na terra, mais segura é a frenagem, isso por que a roda travando, acaba acumulando terra na frente do pneu e isso aumenta o atrito.

Em seguida, fomos descer ladeira de forma controlada com técnica de frenagem e posição do corpo... fácil na descida, já na subida acabei escorregando e comprando terreno.
Além do título da terra, sai com o pulso aberto o que me impediu de continuar o treinamento que ainda contou com técnicas de andar na pedra e na areia.

Este curso oferecido pelo Tomaz Bueno da Personal Off Roades é o nível básico, que garante a participação no moto avançado.

Muito produtivo e super recomendado aos amigos que desejam iniciar no mundo off road, ou aprimorar o que acham que já sabem fazer.

A agenda dos cursos em Cotia/SP estão disponíveis no site www.personaloffroader.com.br - quando entrar em contato com o Tomaz, diga que a indicação foi feita pelo Diário de Motocicleta.

Confira em tempo o álbum de fotos e o vídeo logo abaixo!

fotos relacionadas
vídeos do roteiro

Oferecimento
GIVI do BRASIL

Publicidade
Viagem na Foto

Motoque-se
Descubra Machu Picchu em 2018

Baixe Grátis
Taqueopariu - O outro lado das viagens de moto